Hum…uma tradição brasileira que a gente não abre mão é a mesa de doces para casamento! Cada vez mais refinados, os conhecidos doces finos misturam sabores e começam a agradar paladares exóticos, com recheios e design surpreendentes. Mas saiba que existem doces que não podem ficar muito tempo expostos ou que sofrem alterações quando expostos por muito tempo no casamento.

Decor-72

O primeiro passo para escolher os doces é o sabor que agrada cada casal. Para os chocólatras, doces à base de pasta de chocolate, brigadeiros gourmet e ganache são ótimas pedidas. Os tradicionais podem mergulhar em um universo vasto no catálogo de doces com baba de moça, nozes e damasco e até recheios de bem-casado, todos com sabor suave e delicado. Para os mais exóticos, existem combinações diferentes como chocolate com pimenta, lavanda, machá e até mesmo açafrão.

Depois, é preciso saber a quantidade de convidados que existem na festa e se será servido sobremesa. A regra básica é contar 5 a 6 doces por convidado, mas o número pode diminuir ou aumentar ainda mais se as pessoas já tiverem sido servidas ou não com sobremesa, sorvete e pedaços de bolo. Vale lembrar que muitos buffets também oferecem mesa de café com docinhos ou bolachinhas de manteiga!

Outra questão para se preocupar é a durabilidade, temperatura e até a precipitação da região em que será o casamento. Doces com chocolate têm pouca resistência à altas temperaturas, outros feitos com creme de leite não têm um prazo de validade extenso e os famosos doces caramelados não sobrevivem em dias úmidos, com tempo de durabilidade de 5 a 8 horas.

Veja também: Doces para casamento na fazenda e Mesa de Doces

Decoração da mesa por Glau Miranda e doces por Soul Sweet.

 

16 amaram

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...