Coronavírus x casamentos: como lidar?

Recebemos da Belief Wedding Creators, um texto excelente sobre a relação do Coronavírus x Casamentos, e como se portar nesse momento complexo. Para ajudar nossas companheiras casamenteiras, decidimos reproduzi-lo integralmente:

Veja o que fazer se você está planejando sua festa.

Nas últimas semanas, o coronavírus chegou ao Brasil e trouxe um grande desafio para o mercado de casamentos e para os noivos, uma vez que muitos estão sendo obrigados a rever seus planos – seja para a festa ou para a lua de mel.

Giovana Duailibe, CEO da Belief Wedding Creators – uma comunidade internacional de wedding planners, vê a questão com cautela, mas acredita que com uma boa comunicação, flexibilidade e trabalho em equipe é possível chegar a uma solução para cada casamento. Brasileira, ela hoje vive na Itália, um dos países com o maior número de casos e tem acompanhado a situação de perto. Além disso, a Belief Wedding Creators mantém em sua rede profissionais de mais de 30 países, que constantemente trocam insights e experiências com relação aos impactos do COVID-19. Confira as dicas de Giovana Duailibe para lidar com o coronavírus no mercado de casamentos:


Para os casais:

  1. Procure fontes seguras de informação. Fique atento à propagação de fake news e artigos sensacionalistas. Para saber sobre a situação no Brasil, o Ministério da Saúde oferece um canal de informações oficial: a plataforma IVIS (Plataforma Integrada de Vigilância e Saúde) o acesso é pelo link: http://plataforma.saude.gov.br/novocoronavirus.

    Caso queira saber mais detalhes sobre a sua região, acesse o site da Secretaria de Saúde da sua cidade.Se for um casamento no exterior, consulte a Organização Mundial de Saúde ou as autoridades locais: https://www.who.int

    Se você tiver convidados de outras regiões ou países, também é importante levar isso em consideração ao consultar informações. “Existem países com restrições não apenas para a população local, mas também para pessoas do exterior. Se você tem convidados de lugares diferentes, é um detalhe importante a se prestar atenção”, destaca Giovana Duailibe.

  2. Antes de tomar qualquer decisão a respeito do seu casamento, converse com os seus fornecedores e, em especial, o wedding planner. “Estes profissionais são cruciais para gerenciar a crise e ajudar o casal a encontrar a melhor solução. Por isso, é fundamental contratá-lo. Ele vai ajudar o casal a lidar com os demais fornecedores e planejar possíveis alternativas”, afirma Giovana Duailibe. Para quem planeja um destination wedding, no qual um cancelamento ou adiamento pode trazer ainda mais impactos, é fundamental conversar com os fornecedores locais para entender a situação do ponto de vista de quem está na região.

    Nesta conversa, é fundamental ser transparente com seus fornecedores e compartilhar todas as suas dúvidas. “Desta forma, eles podem ajudá-los a entender o que está acontecendo com um ponto de vista interno”, sugere Giovana Duailibe.

    Além desta conversa, releia todos os seus contratos e verifique as cláusulas de cada fornecedor também.

  3. Esteja aberto a mudar seus planos, caso seja necessário. Uma alternativa à qual a maioria dos profissionais está aberta é ao adiamento do casamento.
    “Caso decida alterar seus planos, é melhor adiar a data do que cancelar o casamento. Lembre-se de todo o tempo e energia que você já gastou no planejamento; você não precisa fazer tudo novamente. Os profissionais de casamento estão abertos para ajustar suas agendas às suas necessidades de forma que esta transição seja mais suave e correta. Este é um momento para trabalhar conjunto e vejo a indústria realmente proativa para encontrar as melhores alternativas para casais”, comenta Giovana Duailibe.

    Neste momento decisivo, vale tomar cuidado com as opiniões externas. “Você receberá muitos conselhos e, na maioria das vezes, eles não ajudarão”, alerta Giovana Duailibe.

  4. Independente da decisão que tomar – manter a data, adiar ou cancelar – é fundamental comunicar aos seus convidados. “Uma boa comunicação é crucial neste momento. Por isso, é fundamental conversar com todos os convidados.

    Para não sobrecarregar o casal, eles podem pedir ajuda a pessoas mais próximas para entrar falar com todos. Dependendo da data do casamento, também recomenda-se enviar uma notificação ou incluir a informação no site dos noivos”, sugere Giovana Duailibe.

  5. Para quem tem um destination wedding ou lua de mel, é importante entrar em contato com as companhias aéreas. De acordo com o Procon, o consumidor não é obrigado a expor sua saúde a riscos viajando para destinos onde poderá contrair o coronavírus, podendo optar por uma das alternativas: postergar a viagem para data futura; viajar para outro destino de mesmo valor; ou ainda obter a restituição do valor já pago.

    Caso não consiga contato ou chegar a um acordo com a empresa, em várias cidades do país o Procon têm atuado de forma efetiva para ajudar nestes casos.


Para os fornecedores de casamento:

Os profissionais mercado de casamentos estão lidando com uma crise global sem precedentes. Por isso, é fundamental estabelecer uma boa comunicação com os clientes.

“A situação é real e precisamos estar abertos a mudanças e oferecer um atendimento incrível aos clientes, em especial àqueles que moram no exterior. Ser proativo neste momento é a melhor maneira de lidar com a situação. Vejo que alguns profissionais enviam boletins diários para os casais, enquanto outros compartilham informações relevantes em suas redes sociais para mantê-los informados”, explica Giovana Duailibe. Para Giovana Duailibe, é fundamental que os wedding planners tomem a frente da situação antes mesmo que os noivos os procurem, compartilhando com os casais a visão de alguém experiente e que está por dentro da situação.

“Ao atuar desta forma, os casais se sentem mais confiantes para tomar uma decisão. Seja honesto com seus clientes, deixe-os saber o que está acontecendo, dê-lhes opções e, acima de tudo, seja flexível”, sugere. A flexibilidade é um dos pontos-chave para lidar com a situação.

“Os wedding planners precisam ter em mente que às vezes a mãe natureza e coisas como o coronavírus podem acontecer e alterar completamente os planos. É por isso que os contratos dos fornecedores devem conter uma cláusula referente a situações de emergência devido a desastres naturais ou outras situações que fogem ao seu controle. Tente acomodar a necessidade do seu cliente, mas também seja transparente com as suas limitações, pois você pode ter outros casamentos reservados. Essa é uma situação em que ambas as partes precisam ser flexíveis, principalmente em relação a multas e pagamentos ”, diz.

O momento também pede uma grande colaboração entre os fornecedores de casamento. “A transparência, comunicação e trabalho em equipe são o melhor caminho para lidar com essa situação. É a melhor coisa que os profissionais do casamento podem fazer neste momento.

Caso um casamento precise ser adiado, os fornecedores precisam trabalhar juntos para acomodar da melhor maneira a necessidade dos clientes. Este é o momento perfeito para fortalecer o mercado trabalhando juntos ”, conclui.


Sobre a Belief Wedding Creators

Belief Wedding Creators é uma plataforma internacional para wedding planners, com membros em mais de 30 países. “Aprender, compartilhar e construir conexões duradouras sem a luta de ser um empreendedor solitário. Esse é o principal objetivo da Belief e estamos sempre abertos a novos wedding planners que desejam ingressar na rede e criar um impacto maior no setor de casamentos”, afirma Giovana Duailibe.


Dica Casamenteiras

Para não quebrar a conexão com seus convidados, vocês podem analisar a opção do Site de Casamento, no qual poderão manter os convidados informados sobre a nova data e detalhes, caso optem por adiar. Dessa forma, vocês poderão continuar a receber as mensagens e os presentes enquanto aguardam essa situação passar.

Por mais complicado que este momento pareça, é importante respirar fundo, manter o pensamento positivo, aproveitar as opções disponíveis para melhor solução e lembrar: Isso vai passar! Se Cuidem, ok? 😘


Veja também: Mensagem de boas-vindas para site de casamento, Site de casamento que converte presente em dinheiro

Leia mais...

Como planejar a Lua de Mel dos sonhos

Não há como negar que aquela lua de mel dos sonhos é um dos momentos mais aguardados pelos casais. Afinal, depois de toda aquela correria na organização do casamento, é reconfortante saber que no final de tudo, ainda haverá uma viagem especial para curtir com o seu amor.

Mas, apesar de ser um momento de descanso a dois, é necessário, assim como todas as etapas de um casamento, um ótimo planejamento.

Bom, existem duas possibilidades para o acontecimento da sua lua de mel: você pode escolher viajar logo após a festa, e então o planejamento da viagem deve ser feito ao mesmo tempo da escolha do vestido, da decoração e do buffet, ou então vocês podem entrar em um acordo de adiar a viagem por um tempo. Isso contribui para que possam planejar aos poucos esse momento.  Independente da opção que vocês escolherem, temos dicas super importantes para deixar o clima mais leve e com a menor quantidade de empecilhos possível. Bora planejar?


Comece cedo! 

Não importa se a lua de mel será uma grande viagem ou algo menor, comece a definir com antecedência para onde será a viagem de vocês. Isso pode garantir preços mais baratos em passagens aéreas e aquele quarto de hotel perfeito, sem correrias e com mais possibilidades de pagamento.


Decidam em conjunto

Lembre-se, vocês são um casal e é necessário decidir junto onde querem passar esses dias. Se um não é fã de praias, por exemplo, que tal encontrar um lugar com outras atrações? Cheguem em um consenso juntos, afinal são tantos destinos possíveis que é praticamente impossível não encontrar um que agrade vocês dois, não é?


Fuja do óbvio

Paris, Veneza e Fernando de Noronha são destinos lindos e românticos, sim. Mas que tal vocês tentarem fugir um pouco do óbvio? Se vocês planejam ficar pelo Brasil, evitar as praias mais agitadas garantem momentos mais intimistas. Já se o destino for Internacional, evite os centros turístico e optem por cidades menores. Juntos vocês saberão encontrar o tom ideal do cenário para esse romance.

O importante aqui é pesquisar bastante e tentar pegar dica com amigos e familiares, além claro, de ler bastante sobre as possibilidades na internet.


Defina um orçamento e o respeite

Pense bem: vocês já terão gastado dinheiro com todo o casamento, então é muito importante definir qual será o orçamento para a lua de mel. Optar por uma cerimônia mais simples para investir dinheiro na viagem é uma opção interessante.  Caso contrário, cuidado com as dívidas.

Defina de forma clara qual o orçamento total e quanto planejam gastar em hotel, atividades, presentes e alimentação. E o mais importante: respeitem esse orçamento. Não adianta nada definir e então estourar o limite do cartão de crédito, em? 


Escolha o seu hotel

A escolha do hotel é importante para que a experiencia seja completa. Leia as avaliações, preste muita atenção no que está disponível no quarto, quais são as comodidades que o hotel oferece, se há café da manhã e qual é o horário de check-in e check-out.

Acredite, tomar esses cuidados vão deixar sua estadia muito mais tranquila.  Uma dica: se vocês decidirem ir para fora do país, tentem fazer o pagamento por aqui. Dessa forma evita-se passar o cartão de crédito em outro país e gastar ainda mais com todas as taxas envolvidas com essas transações internacionais.


Avise sobre sua lua de mel

Quando vocês decidirem pelo hotel, avise que a viagem será de lua de mel. Muitas vezes, o hotel escolhido pode dar um presentinho ao casal como decoração diferenciada, uma bebida, chocolates… mimos que são sempre bem-vindos, não é?


Cuidado com o nome!

É tradicional que os noivos acrescentem sobrenomes após o matrimônio. Mas, para uma viagem internacional, é importante prestar atenção na hora de fornecer os nomes para as reservas. Garanta que ninguém fique muito empolgado com o nome de casado e os forneça sem antes ter todos os documentos atualizados. Isso pode dar uma tremenda dor de cabeça!


Considere um agente de viagens

Se você não gosta muito de planejar uma viagem, talvez seja uma boa contratar um agente de viagens. Ele conseguirá organizar tudo para vocês de forma muito mais ágil enquanto outros assuntos do casamento são resolvidos. Agentes de viagens também são ótimos em seguir o orçamento que lhes são fornecidos, então você não precisará se preocupar demais com isso também. 


Ou então, um pacote

Se você prefere realmente seguir por conta própria, os pacotes de viagens nos sites especializados oferecem ótimos descontos. Fiquem de olho e sempre pesquisem para conseguir o melhor negócio. 


Planeje seu itinerário e movimentação

Nem tudo precisa ser cronologicamente pensado, mas uma lista de lugares que precisam ser visitados, e os melhores dias para essas visitas, é essencial ao roteiro da lua de mel. Além disso, lembre-se que alguns lugares só funcionam em dias específicos e outros necessitam de ingressos. Máxima atenção para não perder a viagem.

Pense também em como irão se locomover no local escolhido. Muitas das vezes o transporte público supre todas as necessidades, já em outras se faz necessário alugar um carro – nesse caso, cheque os documentos necessários para se alugar um veículo.


BÔNUS: um check list valioso para a sua organização 

Para facilitar ainda mais a tarefa de escolher a sua lua de mel, elaboramos um checklist que garantirá que tudo saia como planejado: 

  • Defina o orçamento 
  • Decida se irão ou não usar um agente de viagens 
  • Qual será o destino? 
  • Compre as passagens de avião 
  • Reserve o hotel 
  • Planeje como se irão se locomover por lá 
  • Faça reservas de lugares concorridos  
  • Renove o passaporte e consiga os vistos, se necessário
  • Adquira um seguro viagem 
  • Cheque se é necessário tomar alguma vacina específica para viajar até o local escolhido 
  • Planeje suas atividades, focando em roteiros para cada um dos dias
  • Compre remédios e consiga receitas necessárias para medicamentos controlados, caso façam uso 
  • Tire cópias de todos os documentos 
  • Tenha todos os dados da viagem impressos ou documentos por arquivos de e-mail  
  • Troque o dinheiro, caso necessário 
  • Cheque a temperatura 
  • Faça as malas
  • Aproveite ao máximo! 

Se você planeja ficar pelo Brasil ou pela América do Sul, confira alguns destinos fascinantes: Lua de Mel na América do Sul.


Veja mais inspirações em nosso Pinterest

Leia mais...
FacebookTwitterInstagramPinterestRSSFacebookTwitterInstagramPinterestRSS