Olá casamenteiras, tudo bem? 

A infância é o período mais especial da vida de um ser, não é? Dizem que até os sete anos, formamos todo o nosso caráter, opiniões e já moldamos a forma que enxergaremos o mundo dali para frente. 

Quando penso na minha infância, e vejo a infância de hoje, chega a me dar um aperto no coração. Algumas crianças ainda tem algumas boas oportunidades de entrar em contato com a natureza, brincar livres, se sujar, colher fruta do pé, descobrir o mundo, mas convenhamos, a maioria das crianças que vivem nos grandes centros urbanos não, elas fazem isso através de smartphones e tablets, sentadas em um sofá. Assistindo tevê, ao invés de estar lá, curtindo aquilo tudo. 

Dá para sentir o desespero dos pais, observando o aumento de espaços de brincar e buffets infantis com nomes e estruturas físicas que remetem a esse tempo bom que não volta. Lugares com árvores, terra, areia, animais, nomes como quintal, casa, recanto da vovó, estão com datas lotadas, e isso quer dizer alguma coisa vocês não acham? 

Chegou aqui na redação do Casamenteiras o release de um projeto tão legal, mas tão legal que eu não podia deixar de compartilhar com vocês. Quando eu li, o sentimento que me deu é de que é uma dessas experiências que muda a nossa vida sabe? 

Trata-se do Maloca Família. É uma experiência de conexão com a natureza, com você mesmo e a sua família. Nesse projeto, as famílias viajam até Alter do Chão, uma cidadezinha no Pará e ficam hospedadas em uma casa de madeira no Maloca Viva, um espaço de desenvolvimento humano que fica a 30 minutos do aeroporto de Santarém, à beira do Rio Tapajós e abraçado pela Floresta Amazônica. Que sonho!

Nessa casa, não há divisórias, apenas redes onde todos dormem juntos, as atividades propostas são diferentes de tudo que você já viu!

Nas palavras das idealizadoras do projeto:

“A ideia do Maloca Família surgiu de uma vontade minha, Adriana Vieira e da Sandrine Fresnel de levarmos nossos filhos para viverem, ao seu modo, a experiência que tivemos na nossa passagem pela Maloca Viva.

Fizemos um retiro de conexão com a natureza e participamos de vivências maravilhosas.

Um dos resultados alcançados, foi transformar este insight em um projeto real, aonde além dos nossos filhos, outras famílias pudessem desfrutar da experiência de conhecer a Floresta em um contexto diferente. Nessa viagem, além de promover o turismo e a conexão com a natureza, nossa proposta é:

• Inspirar a integração das famílias através de atividades lúdicas 

• Motivar o detox de eletrônicos

• Apresentar noções de geografia através de reconhecimento em campo

• Apresentar noções de bioconstrução e permacultura

• Apresentar noções de alimentação consciente

• Promover a integração dos participantes com os moradores ribeirinhos e com povos indígenas

• Gerar uma experiência transformadora para pais e filhos

 Programação:

• Yoga e meditação para despertar o corpo e a alma logo cedo

• Atividades lúdicas, rodas de brincadeiras 

• Atividades artísticas

• Passeio de barco

• Trilha na Serra da Piraoca 

• Banhos no rio Tapajós e nos Igarapés

• Picnic nas praias de areia branca

• Noite de pizza compartilhada e fogueira musical com voz e violão

• Cinemaloca com o Filme Território do Brincar”

Eu fiquei encantada com essa ideia, e não vejo a hora da Nina e do João crescerem um pouco mais para levar eles. 

O projeto convida crianças de todas as idades, mas para aproveitar 100% da programação, a indicação é de sete a catorze anos.

Se seu coração pulou de alegria como o meu, entre em contato com as meninas do projeto para saber sobre valores e datas, tenho certeza que será uma experiência maravilhosa e inesquecível! 

A empresa responsável pela viagem é a Leella, eles são uma consultoria especializada em viagens de integração familiar, seguem os contatos.

leella@leella.com.br

Sandrine: (011) 971154633

Adriana: (011) 976782426

Para conhecer melhor o Espaço Maloca Viva entre no site malocaviva.com

Arvore

Maloca1

Maloca2

menino do rio (1)

IMG_9758

IMG_9769

IMG_9779

Quarto amazonico

Beijos 

Kaká