Daminhas e Pajens


Pajem e Daminha – Minha experiência

Oi Casamenteiras, tudo jóia?

Nos últimos trinta dias, eu e o marido fomos padrinhos de dois casamentos super especiais, e a Nina e o João foram convidados pelos dois casais para serem pajem e daminha.

Quando eu me casei, eu não fazia questão de ter a participação de crianças, mas a filhota de um casal de amigos se ofereceu para a posição de uma forma fofa e irrecusável e eu acabei tendo uma daminha linda e querida que fez parte do meu grande dia.

pajem e daminha

Eu me lembro que como noiva eu não tinha a preocupação dela não entrar na hora, com crianças podemos esperar tudo né? Mas como mãe do pajem e da daminha, eu fiquei apavorada com a ideia de eles travarem, não entrarem e estragar o grande dia de amigos tão queridos.

O primeiro casamento foi em São Paulo, em uma igreja enooooorme, com um caminho super comprido até o altar, daqueles que intimida até adultos, imaginem crianças. Eu fiz mil planos de levar as crianças na igreja antes para eles conhecerem e se ambientarem, mas não rolou. O que eu fiz para preparar eles foi colocar várias vezes a roupa que eles iriam usar em casa e treinar eles para andar devagar e um do lado do outro. Falamos muito do casamento, dos tios que iam casar, que eles estariam vestidos de príncipe e princesa, enfim, fizemos o que estava ao nosso alcance.

Eles estão com dois anos e dois meses, já entendem tudo, conversam, argumentam, mas ainda não sabem controlar seus sentimentos, e não conseguem seguir comandos com tanta facilidade.

No dia do casamento chegamos bem cedo na igreja, mostramos tudo para eles, deixamos eles explorarem tudo, caminhamos várias vezes até o altar. Eles ficaram com os meus pais enquanto eu e o marido entramos e subimos no altar. O ponto fraco da Nina é o meu pai, é um amor maluco que eles têm, ela não larga ele nem por um bolo de chocolate, e na hora de entrar, o João deu a mão para uma outra daminha mais velha e foi andando bem tranquilo, já a Nina estava entrando também, mas de mãos dadas com o vovô e quando ele soltou e disse para ela ir sozinha, ela não topou. Não entrou de jeito nenhum! Aprendemos o truque! O vovô tem que ficar no altar chamando ela.

Eu já contei para vocês que eu sou bem rígida com horários, desde quando eles eram bebezinhos temos uma rotina bem estabelecida, mas nessas ocasiões temos que relaxar e curtir, os pequenos após a cerimônia foram para a festa, dançaram, correram atrás das luzes no chão, comeram vários doces e foram embora quase meia noite! Uma loucura para a vida regrada deles, a festa era bem pertinho da minha casa, então quando o cansaço venceu os pequenos os vovôs levaram eles para o sono merecido.

O segundo casamento foi em uma fazenda em Itú, interior de São Paulo, fizemos a mesma preparação experimentando as roupas várias vezes, conversando sobre o casamento, contando que iria acontecer, tudo bonitinho. O horário ajudou bastante no bom humor dos pequenos, a cerimônia foi às 16h, logo após a soneca deles, ou seja, muito bom humor! Rsrsrs

pajem e damina

Eles estavam muito tranquilos, curtiram bastante a fazenda, galinhas, árvores, passarinhos, estavam super à vontade. O caminho até o altar era bem curto, eles conseguiam ver a mamãe e o papai com facilidade enquanto entravam. Também contamos com a ajuda dos meus pais (santos vovôs!) e eles tiveram apenas que ajudar eles a descer uma escada e pronto! Eles entraram lindos e soltinhos! Ficaram com a gente quietinhos durante a cerimônia e curtiram muito a festa!

Por ser mais cedo, nesse casamento quase conseguimos manter a rotina deles intacta. Eles almoçaram, tiraram a soneca e foram para a fazenda, jantaram no mesmo horário de sempre, (claro que comeram mal, com música e uma festa rolando quem quer comer?) dançaram, correram, brincaram até não aguentar mais, e por volta das 21h (hora de dormir em casa também) eu fui para uma sala reservada com eles, coloquei a fralda de dormir, pijama, mamadeira e foram para o carro, dormiram antes de sair da fazenda, estavam acabados e foram para a casa da vovó. Sucesso!

Minha conclusão é que tudo pode acontecer! Crianças são imprevisíveis, eu já vi bebês de um ano entrando como pajem ou daminha tranquilamente e crianças bem mas velhas dando um chilique daqueles! O que nos resta é treinar e torcer para dar tudo certo, e se não der, estar lá para dar um colinho e sem sentir culpa por nada, afinal, crianças são livres e é isso que tanto admiramos nelas, não é?

Beijos,

Kaká

Leia mais...

Daminhas e Pajens Boho

Para as noivas que adotaram o estilo boho para o casamento, podem chorar…

daminhasepajensboho-6

Veja também: 8 dicas para o ensaio de fotos do noivos, Playlist Dia da Noiva – Spotify

Esse é bem o meu caso. Me caso em Outubro, na Fazenda Vassoural em Itú – SP, e claro que sou louca por roupinhas de daminhas e pajens mais despojadas, assim como o clima da festa. Apesar de ser um evento mais formal, quero que seja com a nossa carinha, minha e do meu noivo.

Nessa linha eu estava procurando os trajes de cada um, afinal já estamos há menos de 4 meses do grande dia. Estou pensando em fazer cada daminha com um vestido diferente, acho fofo e criativo.

Vocês já pensaram na roupa das daminhas de vocês? O que estão pensando em fazer?

daminhasepajensboho-2 daminhasepajensboho-5 daminhasepajensboho-1 daminhasepajensboho-7 daminhasepajensboho-3 daminhasepajensboho-8 daminhasepajensboho-4 daminhasepajensboho-9 daminhasepajensboho-10 daminhasepajensboho-11

Leia mais...

Feito pela mãe: Casamento no Jardim Botânico

A mãe da noiva é super importante no casamento, isso todo mundo sabe. Mas esta mãe foi ainda mais especial. Se não fosse por ela o casamento não teria saído assim tão lindo e tão a cara da noiva. Isso porque ela buscou os fornecedores, organizou o evento, e ainda usou todo seu talento para fazer o look das daminhas e o vestido da noiva. Sim, ela FEZ o vestido de renda branco da filha!!! Que lindo, né?

Florida-botanica-garden-wedding-2

A escolha do lugar foi definitiva para a decoração e o estilo da festa. Depois de visitar diversos clubes e salões, ao entrar nesse jardim, com o arco coberto pela vegetação, a noiva teve certeza de que seria ali e de que seu noivo também iria amar! E foi tudo perfeito mesmo!

Florida-botanica-garden-wedding-5

Florida-botanica-garden-wedding-7

Florida-botanica-garden-wedding-8

Florida-botanica-garden-wedding-6

A cerimônia foi no jardim, com a luz do dia e esse fundo verde incrível. O buquê da noiva era de peônias da neozelandesas, lindo!

Florida-botanica-garden-wedding-20
Florida-botanica-garden-wedding-1

Florida-botanica-garden-wedding-9

Florida-botanica-garden-wedding-10

Florida-botanica-garden-wedding-12

Florida-botanica-garden-wedding-21

Florida-botanica-garden-wedding-13

Florida-botanica-garden-wedding-3

Florida-botanica-garden-wedding-15

Para a festa, o salão rústico foi delicadamente decorado, resultando em um casamento cheio de detalhes interessantes.

Florida-botanica-garden-wedding-16

Florida-botanica-garden-wedding-17

Florida-botanica-garden-wedding-18

Florida-botanica-garden-wedding-19

Florida-botanica-garden-wedding-22

Florida-botanica-garden-wedding-23

Florida-botanica-garden-wedding-24

Florida-botanica-garden-wedding-25

A gente adorou e tirou várias ideias para a pasta de inspirações!!

Fotos:100 Layer Cake

Leia mais...

Atividades para a mesa das crianças

Entre os convidados do seu casamento têm muitas famílias com crianças? Então é bom você pensar em uma distração para os pequenos. Crianças são agitadas por natureza, e quando se reúnem ficam mais ainda! E uma grande festa de casamento não é exatamente o lugar preferido delas. Imagina que coisa chata você com 5 anos, usando uma roupa estranha e desconfortável, ter que ficar parado em uma mesa por cerca de 3 horas, entre o jantar, as fotos com os noivos, e a festa? Sendo que já ficou 1 hora quietinho na igreja. Bem entediante, não é?

kidstable-3

Então pense em atividades divertidas para as crianças, que vão lhes ocupar o tempo e acalmar os ânimos! Criar uma mesa exclusiva para os pequenos, com recreação, pode ser uma excelente ideia. Coloque um ou dois adultos supervisionando e incentivando-os a fazer as atividades.

kidstable-4

{Mesinhas pequenas,  na altura deles, ficam bonitinhas e deixam as crianças mais confortáveis}

Pode distribuir folhas e lápis coloridos para desenho (Tinta e caneta não!! Eles podem fazer um estrago em suas roupas e até no seu vestido!), brinquedos de montar, fazer um cardápio especial versão kids. Peça ajuda de uma amiga que já é mãe e ela vai lhe sugerir milhares de ideias ótimas. Como essas aqui que a gente separou:

kidstable-2

kidstable-7

kidstable-5

kidstable-8

{A ideia de forrar a mesa com papel para desenhar é bárbara!}

kidstable-9Se for ao ar livre, você pode montar uma tenda da diversão! E olha que divertida essa ideia: peças em formato de bolo de casamento, pintadas com tinta para quadro negro. Para os pequenos soltarem a imaginação e criarem seus próprios bolos decorados!

kidstable-1

kidstable-10
Você pode criar jogos do tipo ” mapa do tesouro” e incentivar os pequenos a descobrirem coisas na festa. Também tem a variação desta brincadeira com a distribuição de máquinas fotográficas descartáveis. Fotos feitas por crianças sempre são super espontâneas e podem ser lindas recordações do seu casamento!

kidstable-6
Fotos: Pinterest

Leia mais...

Daminhas por Paola da Vinci

É o sonho de toda a mãe: ver sua filha atravessando a igreja em direção ao altar. Mas muito antes dela casar e entrar de noiva, a mãe pode realizar o sonho vendo a pequena ser daminha de honra! E tem coisa mais amada?

Assim como o vestido da noiva, o look das daminhas é feito com todo o carinho e cuidado. Quem tem tradição nisso é a Paola da Vinci, que há anos cria produções lindinhas para as damas de honra mirins. Um vestido mais lindo que o outro, olha só!

{As aplicações de flores são um amor!}

{Super delicadas e bem femininas}

O cuidado vai além da escolha do tecido e do modelo. É a atenção ao tipo de cerimônia, às cores da decoração, os desejos da noiva, o estilo dos noivos. Tudo passa pelos olhos atentos da equipe da Paola da Vinci que atende sempre de forma personalizada, para realizar o sonho das noivas, das daminhas e das mães das daminhas!

{Não tem para adulto não? Tem certeza??}

{O vestido rosa é um clássico!}

A linha de Daminhas de Honra da Paola da Vinci é exclusiva, feita com matérias primas de altíssimo padrão. A qualidade do acabamento atende os gostos mais exigentes e é para quem faz questão de ter uma peça diferenciada em um dos dias mais importantes da sua vida.

Gostou? A gente amou todas!

A Paola da Vinci também tem blog, Twitter e Facebook, curte lá!

Leia mais...
FacebookTwitterInstagramPinterestRSSFacebookTwitterInstagramPinterestRSS