Hotéis


Lua de mel no Vale do Loire

Pra mim, o lugar mais romântico para passar a lua de mel é na França :). Foi lá que passei a minha, lembram (Paris e Provence)? Mas um lugar que sou louca pra conhecer e que quase optei foi o Vale do Loire. Um lugar de tirar o fôlego, repleto de castelos e châteaux, onde os mais românticos contos de fadas foram inspirados e classificado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco! Olhem as imagens, que demais! Não dá muita vontade de ir pra lá? 🙂  Fica uma sugestão para as noivinhas que estão pesquisando o destino para a lua de mel!

Para mais dicas sobre o lugar e onde ficar, recomendo o Guia  Visual da Publifolha sobre a França (à venda em qualquer livraria), que para mim é o melhor guia de viagens do mercado! Eu tenho e uso sempre que viajo! Quem puder, não deixe de se hospedar nos hotéis pertencentes ao Relais & Châteaux, são incríveis e super românticos!!

Fotos: Château de Chambord, Villandry e jardins do castelo de Chenonceau: The Cherry blossom girl via This is Glamorous

Leia mais...

Lua de Mel com Luxo

Descobri o blog Viajando a dois e adorei! Para você que está planejando a sua lua de mel é perfeito, pois tem várias dicas de destinos charmosos e perfeitos para uma viagem a dois, é claro. Selecionei para vocês um post mostrando quais os 10 hotéis mais luxuosos do planeta, de acordo com o Trip Advisor.

Bom… vocês podem imaginar que, se a lista seleciona os mais mais, a escolha vai ser difícil, né? São opções variadas… desde um Ritz no meio de uma floresta tropical de 70 hectares até uma vila particular na ilha que muitos dizem albergou o Jardim do Éden. Quartos com vista à praia que beira uma lagoa formada por corais ou uma mansão do século 15 transformada no máximo de conforto.

Então vai ter para todos os gostos, mas infelizmente, não para todos os bolsos… de qualquer forma, vamos parar por alguns minutos desta segunda-feira e sonhar que estamos num deste lugares mais maravilhosos do mundo. Confira!

1. Ritz Carlton Resort & Spa, Bali

Majestoso e elegante. Esses são os dois adjetivos que melhor definem o Ritz Carlton Bali, atual Ayana Resort and Spa Bali. Implantado dentro de uma gigantesca floresta tropical de 70 hectares, na luxuosa praia de Jimbaran. O hotel conta com 337 quartos que vão dos mais simples de 49 m² até vilas de 100 a 400 m² com piscinas particulares e vista para o mar. Seis restaurantes (tailandês, italiano,frutos do mar, japonês, asiático, e snack bar) e seis bares estão à disposição dos hóspedes. Além de boa alimentação, há muitas opções de lazer como duas piscinas com cachoeiras que vão até o mar, sauna, quadra de tênis, campo de golfe e excursões de pesca, windsurfe, rafting, passeios a cavalo e até de camelo. Para poder curtir as férias com as crianças, o hotel propõe o clube “Ritz Kids”, com aulas de golfe, torneios de pingue-pongue e aulas de cultura balinesa como maquiagem e dança.

2. Maia Luxury Resort & Spa, Seychelles

Reza a lenda que o arquipélago das Seychelles é o Jardim do Éden original. Você não poderá dizer o contrário, muito menos se estiver em uma vila particular de 250 m² com vista panorâmica para o mar, no Maia Luxury Resort & Spa. Aqui tem até mordomo dedicado, para preparar peixes frescos na churrasqueira. Decoradas no melhor estilo contemporâneo, com influências africanas e asiáticas, as 30 vilas do resort estendem-se de um jardim exótico no encosto da colina, até a beira do Oceano Índico. Visite o spa ao ar livre para sentir-se no céu, graças as massagens asiáticas e uma sessão de ioga.

3. Hotel Guanahani & Spa, Saint Barthélemy

Membro do prestigioso grupo de hotéis The Leading Hotels of the World, o Hotel Guanahani é um oásis de paz e tranquilidade, aliando ao luxo e serviços de primeira categoria a vista para duas praias de areia branca. E não qualquer praia: uma delas fica em uma lagoa formada por uma barreira de coral. Dos 68 quartos, 35 são suítes, e 14 possuem piscina particular. Serviços como aluguel de veículos, um centro náutico e sala de fitness estão disponíveis, mas o principal destaque fica com o Spa Clarins e seus 450 m² que incluem oito salas de massagem e balneoterapia, um salão de beleza e uma joalheria.

4. Hotel Four Seasons Resort, Maldivas

O Four Seasons Resorts fica na ilha de coral de Landaa Giravaru, no coração de uma antiga plantação de coco. A ilha mistura uma vegetação tropical com magníficas praias, oferecendo prazeres variados à beira do mar. Com estilo tradicional das Maldivas, o hotel é composto de 97 vilas e bangalôs e cinco suítes especiais. Todos os quartos estão equipadas com ar condicionado, televisores de tela plana, acesso à internet e vários outros luxos e mimos como máquina de café e cama king-size.

5. Rosewood Mayakoba, México

O Rosewood Mayakoba é um hotel moderno e luxuoso à beira das praias de areia branca e águas cristalinas da Riviera Maia. Cada uma de suas 128 suítes incorpora o espírito do hotel, com modernidade e piscinas de cachoeira particulares, chuveiros ao ar livre e vistas deslumbrantes. Entre as atividades do resort estão torneios de golfe, esportes aquáticos, passeios a cavalo, classes de ioga e degustações de tequila.

6. Chiva Som, Tailândia

Situado sobre sete hectares de jardins na praia tailandesa de Hua Hin, o Chiva-Som é um resort mundialmente reconhecido que se dedica à revitalização da mente e do corpo. Tudo isto, claro, numa atmosfera relaxante e muito luxuosa. O alojamento inclui três menus dietéticos por dia e uma massagem de 50 minutos. Bebidas alcoólicas são servidas apenas no jantar, e certas áreas são reservadas para fumantes. Telefones celulares apenas podem ser usados dentro dos 50 quartos e oito suítes do hotel -por sinal, todos temáticos e adequados ao ambiente zen.

7. Le Sirenuse, Itália

O La Sirenuse fica na charmosa cidade de Positano, no sul da Itália, a 60 km do aeroporto de Nápoles. O hotel é um dos mais luxuosos do país, e a vista impressionante sobre o mar da costa amalfitana não deixa a desejar. O estilo é único e o ambiente excelente para relaxar na piscina, no spa, ou comer frutos do mar. O restaurante, com uma decoração belíssima, é considerado como o melhor da região.

8. Rosewood Little Dix Bay, Ilhas Virgens Britânicas

Idealmente localizado entre as colinas intactas da ilha de Virgin Gorda, com praias isoladas e espetaculares formações geológicas, e com vista para um recife colorido e banhado pelas tranquilas águas do Caribe, o Little Dix Bay é um retiro onde os hóspedes mais exigentes podem se conectar com o meio ambiente em uma atmosfera de sonhos. As suítes muito bem renovadas, e suas duas vilas à beira mar com três ou quatro quartos fornecem uma acomodação de alto nível e muito conforto, com uma decoração de bom gosto.

9. Ritz-Carlton Kapalua, Havaí

O “bacanérrimo” Ritz-Carlton da ilha havaiana de Kapalua reabriu no começo deste ano após uma reforma que custou mais de 180 milhões de dólares. Entre as mudanças encontra-se uma enfatização na cultura havaiana (pouco presente antes da reforma) com peças de artesanato local, e um bar feito em pedra de lava. Os quartos têm móveis novos e aparelhos modernos como TVs de tela plana e estações para iPod. Nas áreas de lazer, os cinco restaurantes foram redesenhados, e se construiu uma piscina para crianças, além de uma academia da qual pode-se apreciar a fantástica vista sobre o Pacífico. A vista, isso sim, continua a mesma de sempre.

10. La Residencia, Mallorca, Espanha

O Hotel La Residencia está instalado em uma área de quinze hectares de oliveiras e laranjeiras na colina de Deià, no norte da Ilha de Mallorca. A dois passos do mar Mediterrâneo, as montanhas de Tramuntana formam uma paisagem ideal para momentos inesquecíveis. Duas mansões dos séculos 15 e 16 oferecem aos hóspedes 36 quartos e 31 suítes além de uma vila particular luxuosíssima. Aproveite para conhecer as belezas da região, além de curtir as comodidades do hotel, como as duas piscinas ou o spa exclusivo.

Texto via Viajando a dois.

Fotos: divulgação

Leia mais...

Dicas de Québec City {dicas de viagem}

Para finalizar os posts sobre o Canadá, queria muito mostrar pra vocês e dar algumas dicas do lugar que mais gostei de conhecer:  a romântica Québec – nosso última cidade de destino da viagem. A cidade é linda, com uma forte influência francesa. É também super pequena e fácil de conhecer, pois tem apenas 55 km2. Na parte antiga, onde a cidade é cercada por muros, escondem-se ruelas cheias de charme e surpresas! Foi a cidade do Canadá que achei mais linda! A vista do Rio São Lourenço, cheio de gelo, o Château Frontenac, a Basse Ville, tudo é um encanto!

Durante o inverno a cidade fica toda branquinha, pois neva muito em Québec. Já no verão, fica tudo super colorido e florido, cheio de gente caminhando pelas ruas, nos cafés, restaurantes e lojinhas. Mas digo pra vocês, que apesar do frio, muita gente caminhava sem medo pelas ruas da cidade antiga! Olhem só as fotos!

{Rio São Lourenço cheio de gelo! Incrível!}

{A Basse Vile – “Cidade Baixa”e  Château Frontenac ao fundo lá em cima}

{Happy hour no Le St-Laurent Bar & Lounge}

{O imponente Château Frontenac}

É possível conhecer grande parte das atrações a pé mesmo! A cidade é dividida basicamente em 3 partes:  Basse-Vile (Cidade Baixa), que é a parte antiga e fica nas margens do Rio São Lourenço. Já a cidade murada, fica acima do penhasco de Cap Diamant, e é conhecida como Haute-Ville (Cidade Alta). É lá que ficam as catedrais católicas e protestantes e ainda o Château Frontenac. A foto acima foi tirada no terraço Dufferin em frente ao Château Frontenac. Como vocês podem ver, é uma passarela, tipo um calçadão cheio de quiosques com uma vista incrível do Rio São Lourenço, Laurentian Mountains e da Ile d’Orleans. Lá atrás, ao fundo da foto, está instalado um escorregador de gelo, chamado Les Glissades de la Terrasse (“Caminho de Gelo do Terraço”), que funciona durante o inverno.

Tanto na Cidade Baixa como na Cidade Alta existem várias lojinhas, restaurantes e cafés.

A terceira parte da cidade é a Grande Allée, que fica do lado de fora das muralhas. É lá que está o Hôtel do Parlament, sede do legislativo da província.

{Shopping Center super charmoso que fica na  2452 Boulevard Laurier}

{Lojinha fofa de coisas para casa}

{E a Belinha sempre nos acompanhando nos passeios! Baita parceira de viagem! hihihi}

{Jantar maravilhoso de despedida no restaurante 1640, o mais antigo da América do Norte!}

Ai, ai, já estou com saudades desta viagem!! Se vocês quiserem ver mais posts sobre o Canadá, é só clicar aqui e ver tudo que publiquei sobre minhas férias.

Beijos e até o próximo destino! 😉

Kaká

Leia mais...

Férias no inverno canadense {Mont Tremblant}

Meninas,

Continuando minhas dicas sobre férias do Canadá no inverno, de Montréal seguimos rumo à estação de esqui Mont Tremblant.

Uma das vantagens de viajar pelo Canadá no inverno, é justamente poder fazer esportes como ski, snowboard, patinação no gelo, caminhadas na neve, etc! Mont Tremblant é uma gracinha, gente! Para quem conhece o Rio Grande do Sul, lembra um pouco Canela, mas é super colorida! A vila ao lado da estação que ficamos no Fairmont Tremblant é uma graça, cheia de lojas de artigos esportivos, restaurantes, lojinhas de souvenirs, um amor!

{O vilarejo de Mont Tremblat! Não parece uma pintura ou cenário de histórias infantis? Muito lindo, né?}

Eu já tentei fazer snowboard algumas vezes, mas acho que este esporte não é muito pra mim, não! rsrs, Fiz umas aulas e cansei! hahahaha. O legal é que nestas estações de esqui tem muitas outras coisas pra fazer como spa, massagens, jacuzzi, piscina térmica, caminhadas, patinação no gelo, trenó e outros esportes divertidos na neve. Então, mesmo pra quem não esquia de verdade, ainda é bacana passar alguns dias num local como este, fora que são lugares super badalados, cheios de restaurantes legais, cassino, etc!

{A Belinha amou a neve! Em breve post contando tudo sobre a nossa viagem com ela!}

{O charme da pequena vila de Tremblant, onde é possível fazer tudo à pé}

Só no Instagram @casamenteiras! Segue a gente! 🙂

O nosso quarto dava vista para uma pista de esqui! Super legal, porque a gente acordava e já estava cheio de gente esquiando! E tinham diversas atividades noturnas na neve também. Quem esquia, vai amar, pois é possível sair do hotel direto pra pista!!

 {O amanhecer em Tremblant}

{Do hotel, direto pra pista!}

{Jantar delicioso!}

{Relax no lobby do hotel}

{Delícia curtir uma piscina térmica!}

{A piscina térmica ao ar livre, que no final do dia ficava lotada! Ela era ao lado da pista, super legal!}

E confiram {Férias no inverno canadense – parte 1  com dicas de Toronto (clica aqui aqui para ver os posts) e ainda Férias no Canadá  parte 2)

Fotos: Casamenteiras e divulgação Hotel Fairmont Tremblant

Leia mais...
FacebookTwitterInstagramPinterestRSSFacebookTwitterInstagramPinterestRSS