Toda mãe conversa com o seu bebê ainda na barriga, com aquela voz mansinha, contando o quanto ele é esperado e já amado por todos. E a gente sabe que eles ouvem, alguns até se acalmam ou ficam nervosos, dependendo do tom da fala da mãe. Em algumas situações, até a voz do pai é percebida pelos bebês.

newborn-headphone {Gravidez} Conversando com o bebê

Mas o que a gente não sabia ainda é que eles lembram disso depois que nascem! Um estudo publicado este ano mostrou que recém-nascidos conseguem lembrar de palavras que ouviram ainda na barriga da mãe. Pesquisadores de Helsinque, na Finlândia, monitoraram o comportamento de bebês antes e depois do parto. Um grupo foi submetido a repetições de fonemas simples, como “ tatata”, e outros não receberam estímulos específicos.

Cinco dias depois do nascimento, os bebês ouviram de novo os mesmos fonemas, com sua atividade cerebral monitorada. O que os pesquisadores perceberam foi que os bebês que receberam o estímulo sonoro antes de nascer tiveram um aumento da atividade cerebral, inclusive respondendo à mudanças na entonação dos fonemas.

Ou seja, eles prestam atenção e reconhecem as palavras que ouviram no ventre, se familiarizando com a língua nativa desde antes de nascer. Para os pesquisadores, esse estudo possibilita a criação de métodos para auxiliar no desenvolvimento prematuro da audição e até compensar dificuldades como a dislexia. Legal, né?

Fonte: Zero Hora

Foto: Expressive Moments