A Fran enviou para nós as fotos do seu casamento e nós achamos tão lindo que pedimos a história de como ela conheceu o amor da vida dela, o Richard! O casamento deles foi ao ar livre, do jeito que ela sempre quis, um encanto! Confira abaixo o relato da noivinha e do seu dia mais que especial!

“Ai que emoção lembrar desse dia tão especial! Eu sempre quis um casamento ao ar livre porque amo essa ideia de a noiva estar se arrumando e ver as pessoas chegando pela janela… e foi exatamente isso o que aconteceu! Eu tive o privilégio de ver a montagem e a festa toda começou para mim bem antes com a chegada das madrinhas. A animação de cada um que me encontrava foi bem legal.

O casamento foi bem especial. Meu pai quem fez o sermão e contou histórias de nós dois. Foi um dos momentos mais especiais da minha vida porque e ele repetiu diversas vezes: Por isso que aquilo que a memória amou fica eterno. Houve muitos momentos de tanta beleza em nossa vida que eu disse para mim mesmo: valeu a pena haver vivido toda a minha vida só para poder ter vivido esses momentos em família. Há momentos que justificam toda uma vida”.

Outro ponto bem especial foi a hora que eu vi a carinha do meu noivo me olhando…foi incrível! Tenho certeza a minha melhor escolha da vida é ele. Nossa música é a Something, dos Beatles, que tocou durante o casamento.

Não estava um dia bonito e choveu, mas o Lu (decorador) falava o tempo todo: “está chovendo, amor” e isso me deixava bem! Hahaha. Fiquei o tempo todo bem tranquila.

Nós chamamos os nossos amigos mais próximos e também os da família, então no fim a festa tinha muita gente, mas todos os rostos bem conhecidos e familiares, né? A festa foi apenas um jantar e nós mesmos fizemos um vídeo contando a nossa história, por isso tudo ficou beeeem caseiro, mas todo mundo gostou e foi legal!

Nós queríamos que as pessoas se sentissem em casa, então tinham leques para as convidadas (apensar da chuva), fizemos kit banheiro e eu preparei uma sacola com um coração na frente e dentro os presentes das madrinhas feito por nós: uma caixa cheia de porta guardanapo (era a única coisa que sabia fazer. Hahaha) porque queríamos que eles tivessem na casa deles um pouco de nós, além de uma pashmina, já que esfriou né?

Não tinha bem casado porque o Richard odeia. Então a lembrança era cookies feitos por uma amiga nossa que tem um café em Curitiba e levou para gente. Na saída entregamos corações de feltro e, como eu não tomo café, substitui por uma mesa de tortas doces. Ficou muito legal ver as pessoas comendo lá porque ficou tipo uma doceira.

Também colocamos água nos carros dos visitantes porque eu sempre tenho sede depois das festas, então achei que seria legal. Junto vinha uma tag agradecendo a presença de cada um.

Eu chorei na cerimônia, mas quem chorou mesmo foi o Richard, desde a entrada até o fim do casamento! ahahahaha um fofo.

Eu o conheci no hospital, ele é médico e ajudou muito no cuidado com a minha vó, mas infelizmente ela faleceu e isso foi muito triste para gente. Na hora das alianças escolhemos nossas avós para representarem essas pessoas que são tão especiais para gente.

Outra parte especial foi a papelaria! Eu sou arquiteta e papel é bem importante para mim, então foi uma parte bem montada e pensada por nós. Sobre a decoração, escolhemos o azul como cor principal, a preferida do Richard. Colocamos muitos enfeites azuis e flores, além da cor também ter aparecido no convite.

Obrigada Casamenteiras, é gostoso mesmo lembrar desse dia!”

IMG_6811IMG_6812IMG_6816IMG_6807IMG_6808IMG_6809IMG_6810IMG_6548 IMG_6549 IMG_6550 IMG_6551 IMG_6552 IMG_6553 dianafreixo_IMG_8196 IMG_6554 IMG_6555 IMG_6556 IMG_6557 IMG_6558 IMG_6806 convite1 conviteee IMG_5350 IMG_6450 IMG_6478 IMG_6508 IMG_6509 IMG_6510 IMG_6511 IMG_6017 IMG_6512 IMG_6513 IMG_6514 IMG_6515 IMG_6516 IMG_6517 IMG_6518 IMG_6519 IMG_6520 IMG_6521 IMG_6522 IMG_6523 IMG_6524 IMG_6526 IMG_6527 IMG_6528 IMG_6529 IMG_6530 IMG_6531 IMG_6532 IMG_6533 IMG_6534 IMG_6535 IMG_6536 IMG_6537 IMG_6538 IMG_6539 IMG_6540 IMG_6541 IMG_6542 IMG_6543 IMG_6544 IMG_6545