cuidado


5 acessórios para casamento no verão

O verão está chegando e de acordo com a Noaa (National Oceanic and Atmospheric Administration) 2015 será o ano mais quente que já tivemos. Nós sabemos que o ano já está chegando ao fim, mas o verão acaba de dar seus primeiros sinais, mostrando que teremos grandes ondas de calor para o começo de 2016 também.

Boa notícia para as noivas que estão sonhando em fazer um casamento na praia e aproveitar esse calor de forma boa: com festa! Porém, não podemos esquecer que o calor intenso provoca queda de pressão, queimaduras e desidratação, por isso é necessário tomar alguns cuidados, tanto para os noivos quanto para os convidados, antes de aproveitar a cerimônia.

Confira a nossa lista com os 5 acessórios indispensáveis para vencer o calor nesse verão!

  1. Acessórios de cabeça

Para fugir do sol, nada melhor do que levar a sombra contigo! Chapéus dão um charme a mais e protegem a cabeça dos danos solares. Para as mulheres vale de tudo: desde o chapelão chique até aqueles de aba curta. Os homens ficam ainda mais estilosos com o chapéu panamá, que está em alta. Mas não se esqueça que esse tipo de acessório, principalmente para o público masculino, só é permitido em celebrações menos formais.

2b24bd9d76a2991bdc84761c2223923c 92cf10a901bb02e52cdb51d9d89d69f9 56305a2dbe82c9731d70d43b415fb5ff

  1. Sombrinha

Alguns casais realmente adoram mimar seus convidados e esse pode ser um acessório que vira lembrancinha! Sombrinhas ajudam a proteger do sol e dão uma sensação de alívio, principalmente para casamentos em que a celebração ocorre sentado na areia da praia ou em campo aberto.

b4f88244e8975b48c2a5eb2377393cf2 e7b987e59e007e8bc311026b4f3b23c8

Veja também: Trajes do noivo para o verão e 10 dicas para casamento no verão

  1. Leque

Além de ser apaixonante encontrar um leque personalizado quando você se dirige para sentar e também ser uma possível lembrancinha, o leque diminui a sensação de calor e evita que os seus convidados fiquem procurando algo para se abanar.

184bd08caccdc5316331fd9a7f9145cc 4f806b5a930156cb786384e68db6b383 c170c8c6eb0cc1526fc5de2a97639818

  1. Chinelos e sandálias

Esses são os itens que entram em qualquer festa, desde o casamento na praia até os mais formais. Enquanto nos casamentos realizados na praia ou no campo os chinelos e as sandálias são aceitos como parte do vestuário, nas cerimônias mais tradicionais e formais elas são entregues pelas assessoras durante o evento para que os convidados (principalmente as mulheres que estão em cima do salto) descansem os pés.

aaecedddc9f05cab04ab836df2fb1ae2 21df72cbc213c3db934a18b7defd4ab6 0ffcae55119b9644b2caaaaa14b3b98a

  1. Água termal

Esse item de cuidados com a pele francês tem caído no gosto das brasileiras, principalmente por prometer hidratação e rejuvenescimento das células. Mas nos dias quentes ele garante aquela sensação refrescante de água no rosto e o melhor: ainda cuida da sua pele!

d36f4e696ba0d7e9147b765824e26900 6b5cc229f87cbff483963d620ddae49e

Leia mais...
Casare - Seu Site de Casamento mais Elegante!

Exposição na internet

Oi Casamenteiras, bom dia!

Como mãe é usuária assídua de redes sociais, desde a gravidez eu sigo outras mães e perfis que tem conteúdo materno e existem todos os tipos de perfis, profissionais, médicas, mães perfeitas, mães que fazem questão de mostrar o lado B e a realidade das coisas (minhas preferidas!), algumas muito engraçadas, enfim, acho que toda mãe que tem um smartphone segue outras mães e se espelha, sente alívio em ver que é tudo igual mesmo, chora, dá risada, enfim, participa um pouco dessa comunidade materna virtual.

Quando as crianças nasceram, eu fiquei meio desesperada com a exposição de fotos deles nas redes sociais, eu lembro que era uma preocupação verdadeira para mim, uma vontade muito grande de proteger eles me impedia de publicar milhões de fotos deles por aí, os amigos pediam, às vezes eu colocava uma ou outra, mas sempre com o coração na mão.  Preferia mil vezes mandar pelo WhatsApp e para a família eu fazia um e-mail mensal com as melhores fotos, tudo por que eu tinha muita aflição de colocar fotos deles na rede, uma vez que você fez o upload, você perde o controle por aquelas imagens. E por mais filtros que você coloque para apenas os seus amigos verem os seus posts, eu não confio.

Desde que comecei a escrever aqui no Casamenteiras, comecei também um perfil no Instagram para divulgar o meu trabalho como colunista, o perfil é @mamaeconteudo. Eu até coloco fotos deles de vez em quando, mas é raro, e fico de olho em todos os meus seguidores, entro no perfil de um por um, e quando sinto que algum está estranho eu bloqueio sem dó.

Crianças na escola

Quando existe alguém mal intencionado querendo descobrir sua rotina por exemplo, as redes sociais são a forma mais fácil. Eu mesma já descobri cada coisa difícil na internet! Não precisa ser nenhum hacker, basta querer, portanto mamães, muito cuidado com imagens que dêem pistas de onde você mora e locais que você frequenta, uniforme de escola, trabalho, enfim as imagens dizem tudo! O hábito de fazer check-in nos lugares que você frequenta pode também dar dicas da sua rotina, eu sei que parece neurose, mas não é. Tenho um amigo cursando direito, e ele teve um semestre todinho falando disso, do tanto que aumentaram os crimes em razão das informações entregues de bandeja nas redes sociais.

Há uns dias atrás começou a pipocar no meu feed do Facebook uma brincadeira super bacana para enviar e receber livros infantis, seria muito bacana e eu participaria com certeza se eu não tivesse que escrever o nome completo e endereço dos meus filhos em uma lista que sabe Deus, onde vai parar! A princípio você envia para um amigo, mas e depois? Quando eu percebi que envolvia informações tão importantes eu saí da brincadeira na hora.

Outra coisa que me deixa desesperada, é ver mães expondo seus pequenos nas redes sociais, com fotos do primeiro cocô sozinho no penico por exemplo, ou como eu vi outro dia no grupo de mães uma delas contando uma história super constrangedora que envolvia o filhote dela, uma história pesada mesmo, o intuito dela era pedir ajuda e conselhos, mas eu escrevi na hora que vi, para ela apagar o post imediatamente. Como eu disse anteriormente, uma vez na rede, para sempre na rede, e você não quis e nunca vai querer constranger seu filho de propósito, mas já pensou se tiver uma daquelas crianças “malvadas” que curtem pegar no pé dos outros e fazer bullying, que encanar com o seu filho? Essa criança vai encontrar fotos e histórias constrangedoras aos montes nas redes sociais e o pior, foi você que colocou elas lá.

Bullying

Enfim, eu sempre penso um milhão de vezes antes de colocar fotos das crianças nos posts aqui no Casamenteiras, no Instagram e no meu perfil pessoal, penso também sempre que vou contar alguma história ou causo, afinal de contas meu assunto aqui com vocês é sempre baseado no meu dia a dia com eles, mas tomar cuidado nunca é demais!

Vou deixar abaixo uma listinha de imagens e situações que eu sugiro que você evite expor na internet.

– Fotos que mostrem detalhes do seu dia a dia; (uniforme de trabalho, escola, placas, monumentos, qualquer coisa que dê referência de onde você está)

– Fotos da criança nua;

– Fotos e histórias constrangedoras; (primeira vez que usa o penico, etc…)

– Evitar o hábito de fazer check-in nos locais que frequenta;

– Fotos em alta qualidade; (evita que a foto seja utilizada para outros fins sem a sua autorização)

Beijos e boa semana!

Kaká

Leia mais...
Facebook Twitter Instagram Pinterest RSS Facebook Twitter Instagram Pinterest RSS