fraldas


O que levar na bolsa do bebê

Na hora de arrumar a bolsa para sair com o bebê de casa é preciso pensar bastante. Não precisa sair com a casa nas costas, mas é bom estar sempre preparada pra tudo, assim você evita paradas no mercado e o risco de ter que usar produtos que não está acostumada.

Os modelos de bolsas de bebê são os mais variados.  Tem de tudo que é preço, para todos os bolsos… Tem até “diapers bags” de grife – Louis Vuitton, Gucci, Kate Spade, Juicy Couture são algumas opções. Aquelas fofas e com desenhos de bichinhos ainda continuam na moda, mas cada vez mais as mamães, e principalmente os papais, preferem modelos mais “adultos” e neutros.

 

Para visualizar melhor o que tem na bolsa, na hora de arrumá-la separe todos os itens sobre a cama ou mesa, assim você percebe com mais facilidade o que precisa ser reposto! Na hora de guardar, comece com o que você acha que não será usado, e deixe à mão aqueles de uso mais imediato. Por exemplo, num dia de sol, a roupa quentinha que serve como precaução pode ser deixada no fundo.

Dê uma conferida na listinha do que não pode faltar nunca na sua bolsa de bebê:

– Água: Copos com tampa, garrafinhas ou mamadeira.

Comidinha: Uma fruta, biscoito, papinha são bons para distrair a criança – principalmente, se o passeio for demorado! Existe porta papinha térmico, que mantém a papinha aquecida por bastante tempo. Não se esqueça da colherzinha e dos babadores.

Roupinhas: Sempre tenha mais de uma muda completa de roupinhas, se a fralda vazar, você estará preparada.

Fraldas e acessórios: Por mais curta que seja a saída, sempre há a possibilidade de precisar fazer uma troquinha. Por isso não esqueça das fraldas, lencinhos, pomada e trocador.

– Farmacinha: é sempre bom carregar os remedinhos que seu pimpolho pode precisar. Remédio para cólica e tylenol pediátrico são exemplos. Também não vivo sem Funchicórea.

Outros: Protetor solar, repelente de insetos, escova de cabelo, brinquedos, chupeta, mordedor, chapéu.

Importante! Não esqueça que cada bebê é diferente do outro. Antes de usar qualquer produto diferente do habitual, consulte o pediatra. Protetor solar e repelente não devem ser usados em recém-nascidos.

Por Karen Melzer

♥♥♥

Fotos:  divulgação

Leia mais...

Top 3: depois que o bebê nasce

Oi, meninas!!

Estou com muita saudades de vocês! Sinto falta de escrever aqui, mas este primeiro mês foi muito corrido. O Rafa está com 42 dias, estou apaixonada por ele, mas não sobra tempo pra mais nada… de qualquer forma, aos pouquinhos eu vou retomando e voltarei a escrever normalmente.

E hoje queria compartilhar três coisas que se tornaram indispensáveis na minha vida desde o dia 1° de Agosto, dia em que o Rafael nasceu.

– Fralda RN: todo mundo me dizia pra nem  comprar… mas como vocês devem saber (contei aqui) o Rafa nasceu um mês antes do previsto, logo: PEQUENO! Sem fraldas RN não seríamos nada. Fralda Soft Touch – Turma da Mônica.

Pomada HPA Lanolin: da marca Lansinoh,  esta pomada é milagrosa! Protege os seios contra rachaduras durante a amamentação e, como é feita 100% de lanolina, é totalmente natural podendo ser usada com segurança total, não sendo necessário retirar antes do bebê mamar. Eu comecei a usar já no hospital e meu seio não rachou nada, mas além de preventiva, a pomada também trata as fissuras existentes. Comprei nos EUA por U$10 o tubinho, parece que na farmácia do Iguatemi de SP tem por um preço bem salgado… Dica útil: use um protetor de seio, pois a pomada mancha o sutiã.

– Babá Eletrônica com vídeo: impossível viver sem!! Nos primeiros 10 dias o Rafael dormiu comigo, num moises, mas depois passou a dormir no seu quartinho e, para isto, a babá eletrônica é indispensável. A minha é da marca Summer, comprei nos EUA.

E aproveito este post para compartilhar com vocês uma fotinho do meu lindo. Estou enlouquecida por ele, a cada dia que passa ele fica mais fofo!!!

Por Karen Melzer

♥♥♥

Fotos: reprodução

Leia mais...
FacebookTwitterInstagramPinterestRSSFacebookTwitterInstagramPinterestRSS