praia


Viagem em família

Oi Casamenteiras, tudo jóia?

Eu gosto muito de planejamento, principalmente depois que as crianças chegaram, virou praticamente umas necessidade!

Viajar com crianças pequenas exige um certo planejamento, hotel, carro, cadeirinhas para o carro, o que fazer em caso de chuva?

Pois bem, viajamos em família nesse feriado de 02/11, e foi super de surpresa! Fomos convidados para um noivado de amigos muito queridos em Curitiba, e quando percebemos que era feriado na segunda-feira resolvemos esticar a viagem até Santa Catarina para as crianças conhecerem o mar.

Eu sei, eu sei, dois anos e não conheciam o mar? Sim, nossa família é mais de campo do que de praia, é bem raro irmos à praia. Mas Santa Catarina, especificamente Balneário Camboriú tem um significado importante para nós, quando eu e o marido fizemos um ano de namoro, ele foi contratado por uma empresa lá em Santa Catarina, e morou lá os próximos quatro anos do nosso namoro. Curtimos muito aquela cidade, muito mesmo, eu ia a cada 20 dias e ele vinha sempre que podia, foi um namoro semi a distância. (rs!) Nossos amigos também viajavam bastante para lá, conhecemos cada cantinho da cidade, e lá no fundo do meu coração eu queria muito que eles conhecem a praia de lá, no fim das contas, essa viagem sem muito planejamento deu mais certo do que se a gente planejasse por meses!

A previsão era de chuva todos os dias, e choveu mesmo, mas até a chuva foi uma diversão! Compramos mini guarda-chuvas e eles amaram! Criança é tudo de bom, eles sempre nos lembram de nos divertirmos com o que temos disponível não é?

Praia com chuva

Fiz uma mala enorme, opções de roupas de frio e calor para todos os dias, mas se provou super necessário, usamos quase tudo!

Uma das coisas que eu fiz e gostei muito foi levar a cadeirinha de carro deles, o modelo que eu comprei é super compacto e o assento se fecha para transportar com mais facilidade. Aliás, essa cadeirinha vai do nascimento até o buster, ou seja, pode ser a única cadeirinha da vida! Se eu soubesse disso antes tinha comprado só ela. É da marca Radian, modelo R100, recomendo muito! Super tranquilo para despachar, montar e desmontar e é o modelo mais compacto no mercado, cabem três cadeirinhas no banco de um carro sedan, no meu caso, coloco as duas cadeirinhas e ainda sobra espaço tranquilo para mais uma pessoa sentar. Na nossa última viagem nós alugamos a cadeirinha e foi um “Deus nos acuda!” A cadeirinha era péssima, as crianças conseguiam se soltar com uma facilidade incrível e ela era tão grande que quem ia atrás junto com eles tinha que sentar no chão.

Praia!

Como a previsão era de chuva, procuramos um hotel com infraestrutura para as crianças, escolhemos o Plaza Camboriú, ele é antiguinho, mas no todo foi ótimo! Tem uma brinquedoteca fofa e piscina fechada aquecida, usamos tudo. Fica muito bem localizado, perto da praia, shoppings, e de uma avenida de comércio super movimentada para passear.

Levamos também a nossa ajudante “anja” para nos auxiliar com as crianças, eles estão com dois anos e três meses, uma fase complicada ainda, ataques de birra, comendo super mal, sono agitado por causa das novidades, foi muito bom ter uma ajuda extra, foi maravilhoso na verdade, não costumamos levar a babá junto para muitos lugares, mas dessa vez valeu cada centavo de hora extra! (rs!) Deu para sair para jantar com o maridão, colocar o papo em dia, dormir melhor, enfim, aproveitar um pouco das nossas mini férias.

Praia!

Sobre Balneário Camboriú, sou suspeita para falar, mas a cidade é o máximo! E para os pequenos é muito legal, além da praia, tem muitos parquinhos pela cidade, cinemas, o Parque Unipraias que tem atrações muito bacanas para os mais velhos, o Beto Carrero World é super pertinho, para nós só faltou o sol, tivemos apenas um dia sem chuva, e já tivemos uma amostra do tanto que dá para curtir a cidade, fomos a praia, brincamos na areia, fomos em parques, andamos no molhe, na orla, foi sensacional.

A rotina deles foi para o espaço, eu até tentei manter os horários, mas uma hora eu desencanei de vez e deixei eles curtirem também. Quero só ver como vai ser para voltar tudo ao normal, mas valeu a pena!

IMG_4212

Foi lindo ver meus pequenos vendo o mar pela primeira vez, ver o encantamento no rosto deles, a preocupação com as ondas que iam embora, os peixinhos nas redes dos pescadores, a felicidade por ter areia sem fim para brincar, foi bom demais! Até me animei para ir mais a praia! Ou “ta paia” como dizem os pequenos!

Beijos!

Kaká

Leia mais...
Casare - Seu Site de Casamento mais Elegante!

Casamento na praia: cerimônia sem dor de cabeça

O casamento na praia tem todo o romance que um casal pode imaginar, desde o pôr do sol até o cenário das ondas do mar ao fundo. Olhando em filmes e programas de TV parece simples e delicioso organizar uma celebração no litoral, mas existem algumas interferências que a realidade insiste em revelar que não são assim tão prazerosas.

Se você aposta no casamento na praia par poder deixar as preocupações de lado e aproveitar com os amigos como se estivesse em uma viagem, pode tirar o cavalinho da chuva. Assim como em qualquer cerimônia, o casamento na praia também exige tempo para planejamento e cuidado com detalhes que muitas vezes passam despercebidos.

Siga a nossa lista e deixe a dor de cabeça passar longe da sua cerimônia!

  • Escolha da praia

A escolha da praia em que a celebração acontecerá é a primeira coisa que deve vir na mente do casal. É preciso considerar a distância em que o local fica em relação aos convidados, para que as pessoas não fiquem horas dentro do carro (ou até do avião) e cheguem bem cansados.

A faixa de areia é estreita? Tem locais asfaltados ou toda a comemoração ocorrerá com o pé na areia? Essas perguntas devem ser respondidas com antecedência, pois uma praia muito pequena poderá não atender a todos os seus convidados, além do que a maré tende a subir ao longo do dia, e muitas pessoas idosas ou com problemas de locomoção terão dificuldade de chegar ao casório, lembrando que é praticamente impossível conduzir uma cadeira de rodas na areia.

Também é possível ver se existem hotéis e pousadas próximas para poder hospedar seus convidados. Pesquise salões de cabeleireiros que possam auxiliar desde convidados às madrinhas no dia do casório. Ligue para os hotéis e veja se algum deles tem salão para eventos e se dão descontos para os convidados.

Tente escolher datas longe dos feriados, quando as praias estão mais vazias e a privacidade é maior.

casamento-na-praia

  • Lista de convidados e burocracia do local

Para pequenas celebrações, normalmente não se pede nenhum tipo de autorização ou documentação, mas nem sempre é assim. Em algumas praias é necessário avisar o Corpo de Bombeiro (por causa dos salva-vidas), Guarda Municipal ou a Polícia Militar. A melhor coisa que se tem a fazer é entrar em contato com a prefeitura da cidade e saber direitinho tudo que é preciso para que não exista nenhuma interrupção.

Todos esses trâmites também irão depender do número de pessoas que você levará à praia. Para mini weddings a celebração costuma ser tranquila, mas grandes casamentos, com mais de 300 pessoas, será necessário averiguar.

  • Com que roupa eu vou?

Eventos ao ar livre pedem um look mais natural e tranquilo. Além disso, roupas pesadas podem se tornar um pesadelo embaixo do sol, podendo ocasionar em desmaios ou até queimaduras. Para evitar esses problemas, adeque seu modelo:

Noivas: Use um vestido com tecido leve e que te faça sentir confortável, como se estivesse indo à praia bem arrumada. Abuse das rendas, decotes e transparências para dar um ar mais informal ao look. Desprenda-se de saltos alto, maquiagem carregada e dê lugar às rasteirinhas, maquiagem natural e joias no pé, como anéis e tornozeleiras. No cabelo, escolha um penteado desestruturado para que conforme o vento sopre ele fique um bagunçado bonito, não desarrumado.

Vestido-de-noiva-estilo-boho-chic-Casamento-na-Praia1

Veja também: Save the date na praia do arpoador e Casamento na praia em colorido tom pastel

Noivos: Nada de exigir que o noivo use terno preto e camadas de camisa e colete para a celebração na praia. Ternos off white, cinza, marrom ou algodão cru são muito bem-vindos e trazem leveza ao look, que permite que a gravata saia do pescoço (ufa!) e pé na areia. Leia nosso guia completo para look do noivo aqui.

Madrinhas: As madrinhas podem investir em vestidos sofisticados, mas não precisam ir até o pé. Aproveite o embalo da noiva e permita-se experimentar vestidos com tecido leve. Pergunte a noiva se ela tem alguma preferência por modelos ou cor dos vestidos das madrinhas.

praia

Padrinhos
: Os padrinhos têm a mesma versatilidade dos noivos! Abuse das camisas brancas de algodão, sem gravata, ternos claros (ou então, deixe o terno em casa!) e sinta a sensação gostosa de pisar na areia! Lembrando que eles também devem perguntar ao noivo qual será o traje.

© Marco Costa 2013

© Marco Costa 2013

Convidados: Como o casamento na praia tem um tom bem informal, os convidados também têm liberdade para se vestir. Confira no convite qual o traje indicado.

roupas_masculinas_casamento_praia_ft04

Convidadas: Mulheres, vocês estão livres, leves e soltas para se sentirem confortáveis e bonitas. Vestidos leves até o pé, curtos e estruturados, macacões…muitos tipos são bem-vindos nessa comemoração, desde que haja bom senso. Lembre-se de que é um evento importante como qualquer outro, então evite roupas extremamente curtas.

modelos-de-vestido-para-casamento-na-praia-estampado

  • Problemas que podem ocorrer durante a cerimônia e suas soluções

Não esqueça de conferir a documentação da prefeitura para a realização do casamento para não ter problemas na última hora. Esse tipo de casamento permite que você explore um cardápio bem refrescante, com muitos sucos e frutas. Mas não esqueça que esse tipo de comida atrai formigas e insetos. Certifique-se de que o alimento estará protegido antes de chegar à boca dos seus convidados.

Mesmo avisando algumas vezes de que o casamento será na praia é uma boa ideia comprar protetores de salto e ter sempre disponível algumas rasteirinhas para evitar problemas. Para não se preocupar com isso, você pode aproveitar e ter sapatilhas como lembrancinhas. Assim, elas ficarão disponíveis para todas.

Garanta filtro solar e repelentes para que todos estejam confortáveis.

Leia mais...

Trajes do noivo para o verão!

Nós acabamos de entrar na primavera, mas aqui em São Paulo e em diversos estados do Brasil os termômetros já começaram a subir e alguns noivos a se desesperar em cozinhar por debaixo de muito pano no dia em que os termômetros podem chegar a 40°C, principalmente em casamentos ao ar livre. Então, o que fazer?

De certo que as mulheres têm muito mais truques nas mangas (ou será na barra do vestido?) na hora de se produzir para a cerimônia; no verão, basta encontrar um modelo mais curto, de alcinhas ou tomara que caia, já o frio pede um vestido mais fechado, com mangas rendadas e pernas cobertas. É impossível prever a temperatura certa que fará no dia, mas mesmo assim as noivas têm a possibilidade de brilhar em um vestido sem manga com a ajuda de um bolero.

Já os homens não têm tanta sorte, principalmente porque grande parte das noivas querem opinar e por vezes acabam escolhendo as roupas mais desconfortáveis, com coletes, abotoaduras, gravatas e camisas com tecido mais grosso. Por isso, muitos acabam se sentindo mal durante a cerimônia e até desmaiando! Lembre-se que o casamento também é muito importante para ele e que a ansiedade pode atrapalhar a alimentação, soma-se esses fatores com o calor exorbitante tem-se um noivo passando mal.

Para evitar que isso aconteça, a sugestão é deixar de lado essa inflexibilidade e preservar a saúde do noivo. Em caso de casamentos mais tradicionais, que pedem o social completo, opte por roupas mais frescas, ternos mais finos, camisas de algodão, gravatas slim e sapatos arejados.

Já para cerimônias em que o traje escolhido for esporte fino, dá para ousar um pouco mais: que tal dobrar um pouco a manga da camisa para deixar os braços de fora? Também é possível investir em um traje mais retrô, com o uso de gravatas borboletas e suspensórios, ótimos acessórios e que dão uma cara descontraída ao evento.

Mas para aqueles noivos que querem trocar as alianças na praia, tudo fica mais simples! Dá para colocar uma bata bem ajustada, calça de sarja e até bermuda, além de jogar a gravata para o alto! Nos pés, sapatos arejados, sandálias, chinelos e até mesmo o sonhado modelo pé na areia!

Em qualquer uma das situações, outra dica para amenizar o clima abafado é utilizar ternos de cores claras como bege, cinza ou até algodão cru. Há ainda aqueles que se aventuram ainda mais e optam por um terno branco para combinar com o modelito da amada!

casamento_na_praia_terno_palet_vestido_de_noiva_cora_de_flores_noiva_sapato_bonito_namorados_par_perfeito_casamento

 

Brioni-Aaron-Olzer-02  noivo-de-bermuda-Benjo-Arwas

????????????????????????????????????

traje_04 Fall-20051

Já escolheu o seu preferido?

Leia mais...

Onde quer que seja. Rio de Janeiro.

Casamenteiras se apaixonou por esse post maravilhoso do fotógrafo Rodrigo Zapico.

De um mal não padecemos:
Não somos como árvores,
que permanecem na
tristeza eterna da imobilidade.
Nossas raízes estão em nosso coração.
E por assim ser,
onde quisermos estar.
Se acredito em destino?
Claro.
Mas confio no desejo.
E ainda mais na força de vontade.
Não deixo para os sonhos
a tarefa de determinar onde estarei.
Mas sim
Para me dar o impulso necessário
para sair de onde estou.
O melhor lugar do mundo
pode nunca ser um lugar
se o destino que você
sempre desejar chegar
envolver um par de olhos
um sorriso
e um abraço apertado.
Respire fundo.
E vá.

Daniella e Alexandre, juntos, onde quer que seja.
rz

Casal: Daniella + Alexandre, se casam em 2016, embora sejam Paulistas, o Rio de Janeiro tem a cara do casal e por isso decidiram ir para o Rio, passar uma tarde por lá entre a Praia do Arpoador e os corredores do Jardim Botânico.

Daniella_Alexandre-8 Daniella_Alexandre-10 Daniella_Alexandre-16 Daniella_Alexandre-18 Daniella_Alexandre-23 Daniella_Alexandre-24 Daniella_Alexandre-27

Veja também: Ensaio nos noivos Lívia e Renato e Casamento no museu com ensaio em Paris

Daniella_Alexandre-32 Daniella_Alexandre-33 Daniella_Alexandre-34 Daniella_Alexandre-36 Daniella_Alexandre-38 Daniella_Alexandre-41 Daniella_Alexandre-42 Daniella_Alexandre-43 Noiva-do-Dia-casamento-celeiro-pernambuco-Jayne-Entre-Olhares-3 Daniella_Alexandre-1 Daniella_Alexandre-2 Daniella_Alexandre-3 Daniella_Alexandre-5 Daniella_Alexandre-6 Daniella_Alexandre-7

Leia mais...
FacebookTwitterInstagramPinterestRSSFacebookTwitterInstagramPinterestRSS